Jornal de Notícia Esportiva

REAL ARIQUEMES VENCE O JI-PARANÁ NO 1º JOGO DA SEMIFINAL E ABRE VANTAGEM PARA JOGO DE VOLTA NO BIANCÃO

O Furacão vai ao Biancão podendo perder até por um gol de diferença para conquistar a vaga na final do Estadual

Foto: Reprodução

OUVIR NOTÍCIA

O Real Ariquemes jogando em seus domínios, o estádio Valerião, em Ariquemes na tarde de terça-feira, 17/11, contra o Ji-Paraná, em partida valida pela semifinal, jogo de ida do Estadual, largou na frente com uma vitória avassaladora, que o deixa muito confortável para o jogo de volta.

A iniciou com as duas equipes buscando sair para o ataque, mas foi o Furacão logo aos 3 minutos de bola rolando, após cobrança de lateral para dentro da área, e na disputa da bola o zagueiro do Galo cabeceou para traz e Alesson na pequena área escorou para o fundo da rede, fazendo Real 1 a 0.

O Galo da BR reagiu, e aos 12 minutos, após o volante Mineiro perdeu na divida para Vitinho que lançou Maranhão na meia lua da área, tabelou com Watthimen, que chutou pressionado e a bola sobrou dentro da área para Maranhão que chutou forte vencendo o goleiro Rodrigo, deixando tudo igual no marcador, 1 a 1, placar do primeiro tempo.

Na etapa final, os donos da casa voltaram melhor e encontrando espaços para jogar, e aos 15 minutos, Wilker chutou de fora da área, a bola desviou na zaga e foi para o fundo da rede, colocando o Real na frente do marcador novamente, 2 a 1.

O Ji-Paraná começou a se desnorteou em campo e não conseguia criar, mas aos 25 minutos o Real ficou com um jogador a menos em campo, Matheus foi expulso após deixar o cotovelo e atingir o adversário.

Aos 31 minutos, em nova saída errada do Galo, Douglas recebeu  passe e da fora da área chutou de perna esquerda, acertando o canto esquerdo do goleiro Willian, aumento a contagem para 3 a 1. O técnico Bruno Monteiro ainda fez substituições colocando mais dois atacantes, e nos minutos finais iniciou uma pressão, mas esbarrou em duas defesas no mesmo lance impressionantes do goleiro Rodrigo. A primeira Wathimen se livrou da marcação e livre encheu o pé, Rodrigo defendeu no reflexo e em seguida fez outra grande defesa. Final de jogo, Real Ariquemes 3 x 1 Ji-Paraná.

Com o resultado, O Furacão do Vale do Jamari, abriu uma confortável vantagem e vai para o jogo de volta na próxima quarta-feira, 25, no Biancão, podendo perder até por 1 (um) gol de diferença para conquistar a vaga na final. Já o Galo da BR precisa vencer com diferença de dois gols para levar a decisão da vaga para as cobranças de pênaltis e vitória com diferença de três gols para ficar com a vaga.

COMO JOGARAM

REAL ARIQUEMES: Rodrigo; Diego Bolt (Hércules), Correia, Diego e Vioto; Mineiro, Batista (Wembley), Juninho e Matheus (expulso); Wilker e Alesson (Douglas).
Técnico: Álvaro Miguéis.

JI-PARANÁ: Willian, China, Lídio, Marcão e Cabrine (Ícaro); Fagner, Kasado (Charlinho), Querino (Renan Xavier) e Vitinho (Kauã); Maranhão e Whattimen.
Técnico Bruno Monteiro.

  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Twitter

REAL ARIQUEMES VENCE O JI-PARANÁ NO 1º JOGO DA SEMIFINAL E ABRE VANTAGEM PARA JOGO DE VOLTA NO BIANCÃO

O Real Ariquemes jogando em seus domínios, o estádio Valerião, em Ariquemes na tarde de terça-feira, 17/11, contra o Ji-Paraná, em partida valida pela semifinal, jogo de ida do Estadual, largou na frente com uma vitória avassaladora, que o deixa muito confortável para o jogo de volta.

A iniciou com as duas equipes buscando sair para o ataque, mas foi o Furacão logo aos 3 minutos de bola rolando, após cobrança de lateral para dentro da área, e na disputa da bola o zagueiro do Galo cabeceou para traz e Alesson na pequena área escorou para o fundo da rede, fazendo Real 1 a 0.

O Galo da BR reagiu, e aos 12 minutos, após o volante Mineiro perdeu na divida para Vitinho que lançou Maranhão na meia lua da área, tabelou com Watthimen, que chutou pressionado e a bola sobrou dentro da área para Maranhão que chutou forte vencendo o goleiro Rodrigo, deixando tudo igual no marcador, 1 a 1, placar do primeiro tempo.

Na etapa final, os donos da casa voltaram melhor e encontrando espaços para jogar, e aos 15 minutos, Wilker chutou de fora da área, a bola desviou na zaga e foi para o fundo da rede, colocando o Real na frente do marcador novamente, 2 a 1.

O Ji-Paraná começou a se desnorteou em campo e não conseguia criar, mas aos 25 minutos o Real ficou com um jogador a menos em campo, Matheus foi expulso após deixar o cotovelo e atingir o adversário.

Aos 31 minutos, em nova saída errada do Galo, Douglas recebeu  passe e da fora da área chutou de perna esquerda, acertando o canto esquerdo do goleiro Willian, aumento a contagem para 3 a 1. O técnico Bruno Monteiro ainda fez substituições colocando mais dois atacantes, e nos minutos finais iniciou uma pressão, mas esbarrou em duas defesas no mesmo lance impressionantes do goleiro Rodrigo. A primeira Wathimen se livrou da marcação e livre encheu o pé, Rodrigo defendeu no reflexo e em seguida fez outra grande defesa. Final de jogo, Real Ariquemes 3 x 1 Ji-Paraná.

Com o resultado, O Furacão do Vale do Jamari, abriu uma confortável vantagem e vai para o jogo de volta na próxima quarta-feira, 25, no Biancão, podendo perder até por 1 (um) gol de diferença para conquistar a vaga na final. Já o Galo da BR precisa vencer com diferença de dois gols para levar a decisão da vaga para as cobranças de pênaltis e vitória com diferença de três gols para ficar com a vaga.

COMO JOGARAM

REAL ARIQUEMES: Rodrigo; Diego Bolt (Hércules), Correia, Diego e Vioto; Mineiro, Batista (Wembley), Juninho e Matheus (expulso); Wilker e Alesson (Douglas).
Técnico: Álvaro Miguéis.

JI-PARANÁ: Willian, China, Lídio, Marcão e Cabrine (Ícaro); Fagner, Kasado (Charlinho), Querino (Renan Xavier) e Vitinho (Kauã); Maranhão e Whattimen.
Técnico Bruno Monteiro.

Publicidade

Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )